Fungos

                 pragas

Como  evitar   Fungos:

Só utilize sementes tratadas previamente limpas, lavadas e mergulhadas em solução com hipoclorito de sódio pelo tempo de um minuto. Sementes manchadas ou apodrecidas devem ser descartadas, já que elas podem ser propagadoras de fungos.
 
Plante somente em solos bem preparados e livres de patógenos.

Dê preferência a espécies e variedades de vegetais resistentes.

Adube na medida certa e forneça a cada espécie a quantidade exata de água e luz.
 
Controle rigorosamente a presença de caracóis, lesmas, insetos e roedores, já que esses bichinhos também podem transportar esporos dos fungos fitopatogênicos.
 
Controle a umidade e a iluminação pois a reprodução desses microrganismos costuma ser favorecida pela presença de água - seja da chuva, da irrigação, do orvalho ou mesmo da umidade do ar - e por ambientes escuros. Nesse sentido, a rega sem exagero e a boa drenagem do solo são fundamen.
 
Como tratar

O primeiro passo é a remoção de partes e até de plantas inteiras com sintomas de infestação, evitando assim a propagação da patologia pelo jardim.
 
O ideal é recorrer a um técnico especializado para obter o diagnóstico correto do problema, especialmente se for necessário recorrer a fungicidas, que precisam ser utilizados com muito critério e rigor.
 
Para o controle da degradação dos vegetais, o mercado e o conhecimento popular dispõem de alternativas menos agressivas e mais ecológicas que os fungicidas sintéticos. Entre elas estão o fosfito de potássio, que age como antifúngico e indutor do sistema de defesa das plantas, e o extrato pirolenhoso, produto milenar na agricultura japonesa que induz o enraizamento e é repelente de fungos e de insetos.

Fonte: bond  

Comentários:

 
BLOG DA TIA DÊ © Copyright | Template By Mundo Blogger |